Mais Douradas


Nome: Dourada
Nome Científico: Sparus aurata (Linnaeus, 1758)
Família: Sparidae
Grupo: Peixes Ósseos
Classe: Peixes
Tamanho: 51-100 cm.

A dourada deve o seu nome à banda de cor dourada que apresenta na cabeça, que une os olhos. É um peixe que não se afasta do litoral e raramente ultrapassa os 30 m de profundidade.
Aqui entre as rochas e pradarias de erva marinha, encontra o seu alimento preferido - mexilhões. Trata-se de uma espécie hermafrodita em que os machos se podem converter em fêmeas. Deste modo, conseguem equilibrar o número de indivíduos de cada sexo, o que contribui para o sucesso reprodutivo da espécie. Uma dourada pode crescer até 70 cm e pesar 17 kg.
Info. retirada de :http://www.oceanario.pt/cms/373

Aqui fica mais um registo fotográfico de outra pesca a este magnifico peixe.



O material utilizado foi a cana Prosargos Exclusive Pro 6mts e e o carreto Sakura Borax 6007.


O isco utilizado foi o Caranguejo.
Num próximo artigo falarei da forma com tenho iscado este isco.

Abraço
Pedro Batalha
Classificação:

5 Fazer comentário:

António disse...

Pedro vais acabar por apanhar essas meninas todas.

Um abraço

Acorreia

sansão disse...

Belos exemplares... encontrei o seu blog por acaso... tal como o do sergio... sempre com belos relatos e excelentes pescarias... cheguei a ler algumas partilhas vossas no PES... Especialmente tudo o que tenha a ver com pesca à boia com pião... que eu continuo a não conseguir dominar, nem o pião nem a bóia em geral... mas pronto... as suas pescarias mostram que é possível.. tenho que continuar a tentar...
Um abraço
Sansao Clemente
localidade - Mafra

Anónimo disse...

Lindas douradas!

Mantens-te em grande forma!
(para grande prejuízo das ditas...)

Um abraço,

Miguel Bernardo

Pedro batalha disse...

Boas António
Todas as que puder.....porque acabam sempre por fugir algumas.
Estes peixes quase sempre fogem para onde menos queremos, e as linhas acabam por ceder junto ás pedras.

Olá Sansão
Obrigado pelo seu comentário e muito bem vindo.
Já a algum tempo que não partilho estas aventuras no PES, onde existem muito boas pessoas, irei concerteza em breve escrever lá algum artigo.
Quanto à pesca com pião....bem é como tudo na vida, há que insistir e ir aprendendo aos poucos, nunca existem 2 dias iguais, o que dá para ir evoluindo.
Por vezes nem é com a modalidade de pesca ao pião que se tem melhores resultados, a chumbadinha e as bóias caneta também fazem belos "estragos".

Boas Miguel
Isso dizes tu...já cá moram quase 40.....já não é como à anos atrás..

Abraço e obrigado a todos

FISGOPEIXE disse...

belas douradas, e estão gordas..assim vale a pena e tu não lhes das descanso..bela teca..um abraço.não lhes perdoes :-)